Bacalhau é carregado Mais um peixe que você precisa conhecer

Bacalhau é carregado? Mais um peixe que você precisa conhecer?

O bacalhau é um peixe comumente presente na culinária brasileira e existe uma grande preocupação em relação aos seus benefícios e outros fatores, um deles é se o bacalhau é carregado, por exemplo.

Alguns alimentos são conhecidos como carregados ou remosos, por seu potencial inflamatório para o organismo humano. Isso significa que eles devem ser evitados por pessoas que passaram por uma cirurgia ou fizeram uma tatuagem, por isso muitas pessoas que gostam do peixe se preocupam se o bacalhau é carregado.

Para te ajudar a sanar essa dúvida, reunimos algumas informações relevantes sobre o bacalhau. Assim, aqui você vai descobrir se ele é carregado, quais são seus benefícios e muito mais, acompanhe!

Benefícios do bacalhau

O bacalhau é um peixe que traz muitos benefícios para o organismo por contar com uma diversidade de nutrientes essenciais para o corpo. Alguns desses benefícios incluem os seguintes:

Ajuda na memória

Por contar com o Ômega-3, o consumo do bacalhau pode ajudar na memória, concentração e nas habilidades motoras. Ele também diminui a pressão sanguínea, além de auxiliar na prevenção de batimentos cardíacos irregulares.

Melhora da saúde cardiovascular

O bacalhau ajuda no controle da pressão arterial, melhorando a saúde do coração por conta do magnésio presente nele.

Protege a pele

A vitamina A presente no bacalhau age na proteção da pele, mucosa e também da visão. Por este motivo, é muito importante consumir não apenas o bacalhau, como também outros alimentos que contenham vitamina A.

Ajuda no equilíbrio hormonal

Devido à vitamina B12 presente no bacalhau, ele pode controlar níveis de glicose, além de auxiliar na produção das células do sangue, ajudar na manutenção do sistema nervoso e repor nutrientes no corpo.

O bacalhau é carregado?

Sim, o bacalhau é carregado. Por contar com uma grande quantidade de sal em sua composição, ele pode ser considerado perigoso para quem passa por um processo de cicatrização.

O bacalhau é carregado
Fonte/Reprodução: original

Isso sem contar que sua elevada quantidade de sódio pode provocar a retenção de líquido e outros problemas de saúde como hipertensão, endurecimento dos vasos sanguíneos, insuficiência cardíaca, AVC e até ataque cardíaco. Esse é um dos fatores pelo qual o bacalhau é carregado.

Alimentos carregados ou remosos são aqueles com grandes quantidades de sódio, ou açúcar, que atuam de maneira inflamatória no organismo. Por isso, é muito importante tomar cuidado ao ingerir comidas e bebidas muito geladas ou muito doces, como refrigerantes ou bacon, por exemplo.

Qual é o peixe que é o bacalhau?

O bacalhau não é uma espécie de peixe. A verdade é que ele pode ser vários tipos de peixes, pois bacalhau é a forma que ele é feito, não o nome da sua espécie. O bacalhau é carregado justamente pelo modo que ele é preparado.

No entanto, o peixe mais conhecido que pode ser considerado o bacalhau “legítimo” é o Gadus Morhua. Já no Brasil, o bacalhau mais conhecido é feito do Pirarucu, que também faz parte do gênero Gadus.

Qual a diferença entre o bacalhau e o peixe bacalhau?

Não existe um peixe chamado bacalhau. Nos rótulos do bacalhau, é possível identificar qual é o tipo de peixe. Normalmente esses peixes são do gênero Gadus, como o Gadus ogac, Gadus morhua e o Gadus macrocephalus.

Qual a diferença entre o bacalhau e o peixe bacalhau
Fonte/Reprodução: original

Agora que você viu que o bacalhau é carregado, chegou o momento de listar quais são os alimentos que você pode comer após uma operação ou fazer uma tatuagem.

O bacalhau é carregado, mas algumas pessoas costumam fazer um processo para diminuir o sal dele. Dois desses processos são colocar ele imerso na água por algumas horas ou escaldar, que é o processo de ferver o bacalhau, assim diminuindo o sódio associado ao seu consumo.


Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *