Quimioterapia 5 dicas para ter a alimentação como aliada

Quimioterapia: 5 dicas para ter a alimentação como aliada

Ao fazer um tratamento de quimioterapia você precisa cuidar bem de sua alimentação, visto que esta pode afetar todas as células do corpo, não apenas as células cancerosas. O tratamento quimioterápico pode causar efeitos colaterais como náusea, vômito, queda de cabelo, fadiga, diarreia, constipação, dor de cabeça e boca seca.

Alguns pacientes também podem experimentar efeitos colaterais mais graves, como infecções, anemia, sangramento e problemas cardíacos ou pulmonares. Por isso, o objetivo deste artigo é apresentar dicas de alimentação saudável para lidar melhor com este momento.

Como funciona uma quimioterapia?

Durante o tratamento de combate ao câncer, uma das recomendações é fazer quimioterapia, que consiste em adicionar medicamentos para matar células malignas.

Como funciona uma quimioterapia
Fonte/Reprodução: original

Os fármacos podem ser introduzidos via oral, por injeção na veia (endovenosa) ou por meio de um cateter implantado no corpo. O tratamento geralmente administrado em ciclos, com um período de descanso entre cada ciclo para permitir que o corpo se recupere.

O tipo de quimioterapia que um paciente recebe depende do tipo e estágio do câncer, bem como da saúde geral do paciente.

5 Dicas para ter a alimentação como aliada da quimioterapia

Primeiramente, lembre-se sempre de consultar o seu médico ou nutricionista para determinar as melhores escolhas para a sua dieta. Porém, se você saber como faz para se alimentar bem durante o tratamento, a seguir, apresentamos uma lista com cinco dicas para serem seguidas.

Planejamento

Criar o seu cardápio é o segredo de qualquer tratamento contra uma doença, principalmente o câncer. Por isso, planejar suas refeições é uma das melhores maneiras de garantir que você esteja comendo alimentos nutritivos e saudáveis, principalmente pelo fato de que as sessões de quimioterapia vão tomar boa parte do seu dia.

Então, planejar a sua alimentação vai ajudar a fugir das tentações de comidas gordurosas, e a seguir a dieta do oncologista à risca.

Alimentos frescos e integrais

Consuma comida fresca, natural e integral. Fuja completamente dos alimentos processados e industrializados. Frutas, verduras e vegetais são essenciais para manter o corpo com nutrientes e vitaminas necessárias para diminuir os efeitos colaterais.

Se for comer frutas, prefira as frutas vermelhas. Elas são ricas em carotenoides, que funcionam como antioxidantes e trazem melhora na resposta da imunidade. Essas frutas vermelhas podem ser maçã, morango, ameixa, romã, entre outras.

Mantenha a hidratação

O nosso corpo é composto 70% por água, logo é essencial manter o corpo hidratado. Beba sucos naturais e água ao longo do dia. E é importante evitar bebidas açucaradas e alcoólicas.

Evite comer fritura

Oncologistas não recomendam pratos fritos e com muito queijo ou molhos cremosos, uma vez que, por serem gordurosos, eles causam inflamações na parte digestiva, piorando os efeitos colaterais da quimioterapia.

Sem contar que devido ao processo de fritura esses alimentos contêm acrilamida, uma substância química que é formada quando os alimentos são aquecidos a altas temperaturas. A acrilamida tem sido associada ao câncer, e pessoas em tratamento de quimioterapia já têm um risco aumentado de desenvolver outros tipos de câncer.

Limpe bem os alimentos antes de consumir

A higienização dos alimentos é importante para garantir que eles estejam seguros microbiologicamente, ou seja, livres de quaisquer perigos de contaminação. Assim, evita-se que causem problemas gastrointestinais, que poderiam agravar a baixa de imunidade.

Como aumentar a imunidade rapidamente durante a quimioterapia?

Quanto maior a imunidade, menos risco de infecção, este é o segredo de conseguir ter uma longa vida e menos sequelas na quimioterapia. Por isso, é importante ter um sono adequado, realizar atividades físicas, beber sucos e outros líquidos que ajudam a hidratar e seguir uma dieta rica em nutrientes.

Como aumentar a imunidade rapidamente durante a quimioterapia
Fonte/Reprodução: original

Além de uma boa alimentação, o aumento da imunidade precisa realizar uma boa hidratação, além de seguir as recomendações feitas pelo oncologista responsável pelo tratamento.

Qual a melhor fruta para quem faz quimioterapia?

Além das frutas vermelhas que mencionamos acima, a melancia também pode ajudar no aumento da imunidade. Devido ao fato de ser suculenta, ela pode ajudar a hidratar o corpo, além de ser rica em vitamina C e potássio.

Sabemos que a quimioterapia pode acabar com o apetite ou desafia o paciente a comer certos alimentos que não estão no seu cotidiano. Mas, essas dicas irão ajudar a fazer com que o tratamento seja eficaz e consiga obter mais chances de ter uma vida longa e plena.

Compartilhe este texto para as pessoas que estão com essa dificuldade durante o tratamento de quimioterapia ou mesmo para quem deseja evitar o desenvolvimento de doenças com ajuda de bons hábitos alimentares.


Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *