Entenda se o amendoim é indigesto e como evitar

Entenda se o amendoim é indigesto e como evitar

Saber se o amendoim é indigesto ou não é a dúvida de muitas pessoas que com certeza já ouviram falar que faz mal e não deve ser consumido. Porém, o amendoim é um alimento que possui uma série de benefícios, que podem ser muito bem aproveitados quando consumido da forma correta.

A pasta de amendoim, por exemplo, é um dos alimentos mais consumidos pelos norte-americanos, e esse hábito tem chegado ao Brasil aos poucos. Mas isso pode causar estranheza em algumas pessoas, que relacionam o amendoim a algo “pesado”. Continue no texto para saber mais.

O que é o amendoim?

O amendoim é de origem vegetal, você pode encontrar facilmente em mercados ou em lojas de produtos naturais. É um alimento de fácil consumo pois exige pouca ou nenhuma preparação, e pode ser consumido como petisco entre as refeições ou acrescentado a pratos como farofas e até mesmo saladas de frutas.

O que é o amendoim
Fonte/Reprodução: original

Seus benefícios para a saúde variam desde a prevenção de doenças cardiovasculares até o auxílio na perda de peso. Isso se dá pela quantidade de vitaminas e minerais presentes no alimento. Agora iremos saber mais sobre a indigestão e quais são os seus principais sintomas.

Quais os sintomas da indigestão?

‌A indigestão, também chamada de má digestão ou dispepsia, é caracterizada pelo desconforto ou dor no abdômen, que pode vir acompanhado de outros sintomas. Entre eles podemos citar enjoos, vômitos, sensação de estômago cheio e inchaço na barriga. Os sintomas podem se manifestar depois da ingestão de determinados alimentos, assim como hábitos como comer depressa e não mastigar direito.

Porém, alguns fatores podem desencadear ou agravar a situação. O estresse e a ansiedade, por exemplo, podem contribuir para os sintomas da indigestão. Doenças como obesidade, hérnia, refluxo gastroesofágico e úlceras estomacais podem agravar casos de indigestão, assim necessita de atendimento médico.

O amendoim é indigesto?

Agora que você já sabe o que é indigestão, é hora de avaliar se o amendoim é indigesto ou não. É fato que o consumo exagerado do alimento tende a causar malefícios para a saúde, atingindo o fígado e o estômago. Isso é ainda mais prejudicial quando o amendoim é mal conservado e armazenado, pois passa a ter a presença de aflatoxinas.

O amendoim é indigesto
Fonte/Reprodução: original

Mas quando consumido dentro dos limites diários, o amendoim não causa indigestão, e ainda beneficia a saúde estomacal. Por ser rico em fibras, ele não sobrecarrega o estômago e ainda auxilia na redução da gordura abdominal. Mas sempre se atente a quantidade correta de consumo, cerca de 30g diárias.

Como evitar a indigestão?

Depois de saber se o amendoim é indigesto ou não, saber como evitar a indigestão pode ser de grande ajuda. Primeiramente é importante identificar os alimentos e as situações que a desencadeiam, e buscar evitar. Estudos indicam que os principais alimentos causadores da indigestão são: salsicha, picles, vinagre, refrigerantes e cereais em grão. Confira abaixo algumas dicas que vão te ajudar.

  • Coma devagar e em pequenas quantidades, para não sobrecarregar o estômago;
  • Evite alimentos muito gordurosos, como fast food;
  • Evite usar roupas muito apertadas, que comprimam o estômago;
  • Não faça exercícios físicos com o estômago cheio, espere pelo menos 1 hora após a refeição.

A indigestão é um problema que pode afetar muito a qualidade de vida, por isso é importante ter bons hábitos alimentares e procurar consumir alimentos que não agravem o quadro. Depois de saber se o amendoim é indigesto, você já pode incluí-lo na sua dieta na quantidade correta, a fim de aproveitar todos os seus benefícios.


Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *